BTemplates.com

Com tecnologia do Blogger.

Text Widget

GoPro anuncia Hero 6 Black, a câmara 360 Fusion e novas funcionalidade para o drone Karma

GoPro Hero 6 Black Após uma espera ansiosa a GoPro revelou a mais recente da sua série de Heros, a Hero 6 Black, que tendo um design se...

Seguidores

Pesquisar neste blogue

Translate

domingo, 26 de julho de 2015

A China está a construir o maior radiotelescópio do mundo em Guizhou


 
Técnicos já começaram a montar o maior radiotelescópio do mundo, chegando a ter o tamanho de 30 campos de futebol, nas montanhas de Guizhou, a sudoeste da China.

Dia 23 deste mês, os mesmos, começaram a montar os refletores da parabólica, que tem 500 metros de diâmetro e é feito de 4,450 painéis, Cada painel tem a forma de um triângulo equilátero com os 3 lados a medirem 11 metros de comprimento.

Uma vez completo, antena parabólica esférica chamada FAST será a maior do mundo, superando a de Arecibo, em Porto Rico, que tem 300 metros de diâmetro.

Nan Rendong, chefe cientista do projeto FAST em conjunto com o Observatório Nacional da Academia Chinesa de Ciências, reportou aos meios de comunicação que este radiotelescópio será capaz de captar sinais mais fracos.

"Um radiotelescópio é como um ouvido sensível, podendo ouvir mensagens de rádio significativas de ruído branco no universo. É como conseguir ouvir o som de cigarras numa tempestade", disse.

A antena parabólica está a ser construída num vale naturalmente formado. "Há tres colinas a cerca de 500 metros de distância umas das outras, criando assim um vale que é perfeito para construir o radiotelescópio", disse Sun Caihong, engenheiro-chefe da FAST.

A formação cársica na paisagem local é boa para a drenagem das águas pluviais para o subsolo e para proteger a antena parabólica. Sun disse
 
A área em volta tem "silêncio de rádio", como não existem cidades e vilas num raio de 5 km para interferir com as captações do radiotelescópio, sendo que a cidade mais próxima fica a 25 km.

A enorme antena parabólica que está sobre o chão está apoiada por milhares de colunas e cabos de aço.

Uma plataforma de observação no topo da colina, quando concluída, será aberta ao publico, disse Sun.

"Tendo um telescópio mais sensível, poderemos receber mensagens de radio mais fracas e mais distantes. O mesmo irá ajudar-nos a procurar vida inteligente fora da galáxia e explorar as origens do universo", disse Wu.

Via:
China.org.cn
Imagens retiradas de:
China.org.cn

0 comentários:

Enviar um comentário