BTemplates.com

Com tecnologia do Blogger.

Text Widget

GoPro anuncia Hero 6 Black, a câmara 360 Fusion e novas funcionalidade para o drone Karma

GoPro Hero 6 Black Após uma espera ansiosa a GoPro revelou a mais recente da sua série de Heros, a Hero 6 Black, que tendo um design se...

Seguidores

Pesquisar neste blogue

Translate

segunda-feira, 21 de março de 2016

Aeroporto Internacional de Cochin torna-se o primeiro do mundo a operar totalmente com energia solar


Aeroport de Cochin
O Aeroporto Internacional de Cochin, o sétimo mais movimentado e o primeiro aeroporto da Índia a ser construído sob o modelo de PPP criou outro capítulo na história da aviação, tornando-se o primeiro aeroporto do mundo que opera totalmente com energia solar. O Honorável Chefe Ministro Oommen Chandy inaugurou a central solar de 12 MWp a 18 de Agosto de 2015, composto por 46,150 painéis solares fixados nos 18 hectares perto do complexo de cargas. Agora, a central solar do Aeroporto Internacional de Cochin está a produzir entre 50,000 e 60,000 unidades de eletricidade (kWh) por dia para ser consumida por todas as suas funções operacionais, o que tecnicamente faz com o aeroporto seja "absolutamente neutro de energia".

"Nós quisemos ser independentes da rede elétrica de serviço público", disse o gerente geral do aeroporto, Jose Thomas, à CNNMoney.
Central Solar de Cochin
O custo deste grande projeto ronda os 620 milhões de rupias (8,2 milhões de euros), um montante que o aeroporto espera economizar em menos de seis anos para não ter que pagar mais as contas de eletricidade. "Quando nos apercebemos que a conta de eletricidade era muito alta contemplámos várias possibilidades, até que a ideia de proporcionar energia verde foi introduzida", disse V.J.Kurian IAS, diretor geral. Também se estima que a central solar irá evitar que sejam libertadas mais de 300,000 toneladas métricas de emissões de carbono provenientes da energia do carvão nos próximos 25 anos.
Também se anunciaram planos para duplicar a sua capacidade geradora de energia solar nos próximos anos para 26,50 MWp (de relembrar que ainda estão a 12 MWp)
Central Solar de Cochin 2
Numa altura em que a energia solar se tornou muito mais barata na Índia, a iniciativa do Aeroporto Internacional de Cochin tem vindo a chamar a atenção nacional e intencional.

O Aeroporto Internacional de Calcutá, que é maior e mais agitado que o de Cochin, está também a planear construir uma central solar que cubra tanto quanto 28 hectares este ano, o que iria reduzir a sua conta de energia elétrica em um terço, de acordo com Siga Judson, gerente geral do aeroporto.

Jose Thomas diz que geralmente os aeroportos têm uma grande abundância de terra livre para que se possa usar os painéis solares. Mas diz também que é muito mais fácil para instalações menores tornarem-se movidas totalmente a energia solar, porque estas utilizam menos energia elétrica.

"Queremos continuar o nosso status como um aeroporto de energia neutra", afirmou Thomas.

No entanto, esta é uma conquista realmente incrível que mostra o quanto potencial que a energia solar oferece para reduzir as emissões de carbono como também de fornecer energia.

Via:
BGR
CIAL 1 2
CNNMoney
Imagens retiradas de:
CIAL