Avançar para o conteúdo principal

9 objetos impováveis que podem ser agora impressos em 3D

Rim, orelha e estrutura óssea de um dedoOrgãos

Partes do corpo vindos de uma impressora? Soa a milagre, mas é no tóner de substituição onde estes se fazem. Os cirurgiões já estão a utilizar implantes impressos em 3D para substituir ossos. A próxima fase será a implementação de órgãos usando células como um meio. Os objetos na foto incluem um rim, um ouvido e a estrutura óssea de um dedo. Estes foram impressos num laboratório na Wake Forest Baptist Medical Center.

Wearables e dispositivos médicos

Os "wearables" e os dispositivos médicos são um ajuste natural para a impressão 3D. A máscara inteligente da Sendinaden permite que o utilizador monitorize os seus próprios hábitos de respiração, que podem ter profundas implicações para o bem estar físico e mental. O dispositivo está previsto ser lançado no inicio de 2016. O CEO David Hartmann acredita que a personalização é a grande vantagem que a impressão 3D tem sobre a moldagem por injeção. "Nós vemos uma experiência de consumo onde poderá entrar numa loja de retalho, obter um padrão de uma máscara respiratória, fazer a sua própria personalização, ir às compras e voltar 45 minutos mais tarde para ir buscar a máscara personalizada já impressa em 3D".
Máscara Sendinaden

Edíficios

No ano passado, com sede em Xangai, a WinSun Decoration Design Engineering Co. anunciou que tinha impresso, em 3D, 10 casas funcionais que custam menos de 5,000$ cada uma. A empresa seguiu este ano, fazendo um prédio de apartamentos com seis andares, o que indica que esta é a estrutura mais alta impressa em 3D do mundo. As casas foram impressas em blocos modulares usando uma tinta feita de cimento, fibra de vidro, água, areia, e um agente de ligação especial.
Prédio impresso em 3D


Comida
Doces em 3D
Muitas empresas estão ocupadas a tentar automatizar a preparação de alimentos, por isso não se surpreenda se for um robot a servir o seu próximo hambúrguer. As tintas comestíveis ainda estão nas suas fases iniciais, mas se quiser fazer algo doce, não conseguirá fazer nada melhor que algo impresso por uma das máquinas da 3DSystems. O ChefJet Pro, que faz parte de uma linha de produtos que inclui a impressora 3D CocoJet, imprime açúcar de todas as cores, doces e gelo com um único sabor adicionado. A máquina pode fazer cerca de 100 doces por hora em qualquer tipo de configuração 3D.

Ténis

Ténis 3DCom o COO da Nike, Eric Sprunk, a especular que os compradores de ténis serão capazes de imprimir um par dos mesmos em casa, é claro que há grandes mudanças nas lojas da maneira como os ténis são feitos. Pelo motivo que os sapatos precisam de acomodar o grande grau de variação dimensional presente na região sul da anatomia humana, os ténis de fabricação sob encomenda a ordem é uma proposta atraente. Um projeto/startup de Tennessee chamado Feetz já conseguiu arrecadar mais de um milhão de dólares na tentativa de se tornar o primeiro "sapateiro digital". Os clientes terão de apresentar 3 fotos dos seus pés, escolher um estilo e um design, recebendo depois um par de ténis personalizados, no correio.


Roupa

Como os sapateiros, as empresas de retalho de vestuário são forçadas a fazer concessões quando se trata de um bom ajuste. Mas, e se, o consumidor tivesse a oportunidade de personalizar, escolher o item e o mesmo aparecer diante dos seus olhos? Este é o sonho de outro projeto/startup de San Francisco chamado Electroloom, que desenvolveu uma forma de imprimir têxteis em 3D. Mas alguns designers estão a ir mais longe. O bikini na foto, criado pela UC Riversidade e pela empresa de design Eray Carbajo, foi impresso em 3D e é constituído por um material especial, semelhante ao de uma esponja, que se limpa à medida que o utilizador nada.
Bikini impresso em 3D

Carros

Audi impresso em 3DA Audi imprimiu uma versão miniatura de carro de corrida de Grand Prix (categoria anterior à Formula 1) de 1936. O modelo é feito de metal usando a nova impressora 3D da Audi, que utiliza um laser para derreter aço ou alumínio, criando objetos de alta resolução. O processo é chamado "sand-printing" (impressão de areia) e pode fazer formas de metal desde que tenham 8 polegadas, reduzindo significamente o tempo que os engenheiros precisam para juntar partes quando fazem protótipos.


Instrumentos musicais

Guitarra impressa em 3D
Com sede na Suécia a Odd Guitars imprime instrumentos musicais em 3D. Estes, que custam entre 3,000$ e 4,000$, têm trabalhos de corpo oco muito bem desenhados, o que seria impossível sem a ajuda do software CAD e uma impressora 3D. A Odd Guitars já produziu também baterias, saxofones e teclados.




Cabelo

As impressoras 3D normalmente produzem objetos de plástico rígido, mas os pesquisadores da Universidade Carnegie Mellon descobriram uma maneira de produzir fios parecidos com o cabelo, com fibras e sedas utilizando uma impressora comum de baixo custo. "É uma ideia muito simples, na realidade." O processo pode ser usado para produzir tudo, desde cabelo com aparência natural à escova de dentes.
Cabelo impresso em 3D
Fonte:
ZDNet
Imagens retiradas de:
ZDNet

Mensagens populares deste blogue

GoPro anuncia Hero5 Black, Hero5 Session e um drone

Depois de terem vindo a anunciar uma nova câmara durante meses, a GoPro, finalmente, tem dois novos modelos a Hero5 Black a 429,99€ e a Hero5 Session a 329,99€. Ambas as câmaras serão lançadas dia 2 de outubro.
A primeira é uma revisão completa e uma nova câmara flagship (importante) para a marca. A outra é uma versão melhor do modelo original de 2015, mas com menos funcionalidades principais que a Black tem, para ajudar a tornar algumas decisões mais fáceis.

Ambas as câmaras são impermeáveis até 10 metros sem proteção. As câmaras GoPro anteriores eram apenas resistentes e à prova de água quando numa caixa de policarbonato, e lidar com estas caixas era um aborrecimento. Presumivelmente haverá caixas de mergulho para aqueles que querem ir mais fundo ou que precisam de proteção contra choques, mas o consumidor poderá simplesmente tirar a câmara da caixa e ir para a praia e surfar com esta.
A GoPro também introduziu o que chama de estabilização eletrotécnica de imagem, de nível profiss…

Solar Impulse 2 completa volta ao mundo apenas com energia solar

"Este voo representa o enrolar mais incrível desta aventura."

História foi feita muito cedo no dia 26 de julho, quando o primeiro voo tripulado, de só um lugar, alimentado exclusivamente por energia solar, foi concluído.
BREAKING: we flew 40'000km without fuel. It's a first for energy, take it further! #futureiscleanpic.twitter.com/JCvKTDBVZx — SOLAR IMPULSE (@solarimpulse) 26 de julho de 2016 A circum-navegação movida a energia solar começou em Abu Dhabi em março de 2015, e a viagem, originalmente, deveria ter terminado cerca de cinco meses depois, em agosto. Mas uma combinação de tempo e falhas técnicas levaram a atrasos significativos, sendo que a aeronave Solar Impulse 2 passou a maior parte do inverno passado num hangar havaiano.

O voo de 40 mil quilómetros foi partilhado entre André Borschberg e o recordista em balões de ar quente, Bertrand Piccard, que alternaram as 17 etapas da viagem entre eles. A parte mais longa no ar ocorreu entre Japão e Havai, que, …

"Aranha" robot da Lockheed Martin procura pequenos buracos em dirigíveis, e de seguida, corrige-os

A indústria dos dirigíveis não é grande, mas poderia ser muito mais, e lucrativa, para os envolvidos, se houvesse uma maneira fácil e barata de reparar buracos nestes. Felizmente a Lockheed Martin está em cima do acontecimento, tendo desenvolvido uma "aranha" robot para andar por toda a cobertura do dirigível, procurando buracos reparando-os de seguida.

Os reparos são um grande problema num dirigível em andamento. Mesmo com os buracos mais pequenos, grande parte da eficiência da aeronave perde-se, por isso manter a cobertura arranjada é incrivelmente importante. Antes da existência deste robot, procurar e reparar este buracos envolvia muita mão de obra, pela cobertura, para os encontrar.
Isso parece tão século XX, de modo que os investigadores da Lockheed Martin desenvolveram a SPIDER (aranha): um "instrumento de propulsão automático para avaliação e reparação de danos nos dirigíveis". Este dispositivo tem montado uma série de fios o que faz parecer que seja mesmo…